segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Dia 27 de dezembro


Passei o dia preocupada com coisas banais, me importando com quem não dá a mínima.resolvi sair, tudo indiferente pra mim, um amigo meu arrancou alguns sorrisos meus, vi gente desagradavel e voltei pra casa, peguei um filme na locadora é isso não importa muito a vocês né, mas a melhor parte vagora , eu percebi que todos os planos que fazemos pro nosso futuro, não vai acontecer e que a vida sempre te traz coisas, momentos, palavras e pessoas pra te surpreender; te deixar de boca aberta é o objetivo ! Tudo que eu quero, é o que eu tenho pouca chance de se tornar real, mas aquelas pessoas, aqueles namorados, aqueles amigos, aquelas viagens, aquelas palavras no qual nem passa na minha cabeça ou as que não seja meu plano , serão as que tem mais chance de acontecer . Não faço mais plano, agora sou um passarinho, que vai pra onde o vento levar, pousa nos galhos que Deus desejar e vivo onde aparecer mais agradavel, sem medo, sem planos, sem esperança de nada, apenas vivendo, porque eu sei que de todo o alfabeto o meu plano A & B , sempre irão falhar, esse é o sentido da vida 

domingo, 26 de dezembro de 2010

O que é o amor ?

é a dor que queima todo dia, que te faz lembrar dele, desde o café da manhã, até o momento que as luzes se apagam para o seus sonhos virem e que sonho ? nem neles você escapa, sempre traz alguma lembrança, alguma recordação daquilo que você quer esquecer. É igual aquela unha encravada que no dia que a dor está maior, todo mundo resolve pisar no seu pé, seu corpo começa a bater de frente com quinas e móveis e você nunca esquece a dor.
Ele deixa um buraco, tira seu astral, suas energias e os sorrisos do seu rosto, tira aquele frio na barriga quando seu olhar se junta ao dele, a boca sem palavras , o brilho no olhar e aquela certeza de que alguém pensa em você, isso tudo acaba, e é uma dor masacrante por que só você sabe a dor e não pode contar pra ninguém, os conselhos são os mesmo : você vai esquecer  ou  o tempo é rei .... ! então guarda pra você, o que sufoca mais, e da uma vontade de largar tudo e falar : PARA DE SER ESTÚPIDO E VOLTA ! como se fosse o bastante, então você tenta diferente, tenta ficar com alguém, tentar ocupar seu tempo, só que é pior, porque quando a pessoa não mostra interesse infelizmente o ser humano, cria expextativas , e se apaixona :/ com isso tu vai se fudendo cada vez mais, só que as merdas, mesmo tirando sua atenção ainda resta tempo o suficiente pra você se preucupar com o bem estar dela e a tortura continua algumas vezes até pro resto da vida, outras são aliviadas com o tempo, algumas momentâneas, aquela no qual o tal do amor se faz presente nos momentos que olho no olho! O que mais dói é o silêncio porque eu sei da verdade, do que eu acredito, o que pode sim mudar e ser e do que você pode ter esperanças de se tornar, o silêncio pode ser guerra, meu silêncio se maniesta por ter tantas perguntas sem resposta e tanta coisa mal acabada, isso não é o que eu sinto, isso é a nossa verdade, não vou chorar. Já passei por várias, mas cada um dos 'esquecimentos' com o ar de primeiro, cada amor com sua intensidade e seu jeito, com seu ex-parceiro ajudando ou não , é muito ruim, eu perco o chão e cada vez mais eu me recupero mais devagar, com mais mágoas e mais lágrimas ... é assim, se eu pudesse, nunca amaria, porque no final você só vê que tudo foi em vão, que todo o tempo que você investiu, que você cuidou , que se privou, que foi fiél, amou e se deixou amar, declarou-se e disse eu te amo sem medo, que agora vocês são meramente conhecidos, desviando os olhares, muitas vezes nem olhares, vendo o outro mal, mas pra não trazer uma coisa que pode não parecer o que é realmente e ser levada a maldade, prefere ficar na sua, mesmo sabendo que o conhece desde o cabelo, até o dedinho do pé, você tem que ficar na sua e se privar do cheiro, do abraço, da atenção, do amor dele. Tem coisas que não voltam, mesmo você querendo fazer tudo errado, porque se eu tivesse o conhecimento que eu tenho agora, eu faria TUDO DIFERENTE s2

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Do próprio veneneno

A quem eu quero enganar quando digo que estou bem ? a quem eu quero  mostrar que sou forte quando saio de casa com a cabeça erguida ? sempre digo no msn : tchau gente, vou dormir ; Mentira, vou pensar nele, sou deitar na cama, olhar para o teto e pensa no que está acontecendo, derrepente vem um filme em câmera lenta, de tudo que já passamos, de conversar , de brigas, de photos, de beijos ... e começo a cada vez mais pensar e pensar, lembrar de tudo , perco noites assim, e acordo pior do que quando dormi, porque o pensamento em você impera dentro de mim, seu sorriso, seu jeito, suas palavras. Depois que eu perdi você, pareceu um pega - pega, onde eu tinha que encontrar uma pessoa como você, com seu jeito difícil, com sua temperamento, com suas manias, e eu por várias vezes, encontrava uma coisa ou outra em alguém, quando eu estava surtando porque tudo me lembrava você eu percebi, que ninguém é igual a ninguém e se eu estava a procura disso, é porque ao mesmo tempo, eu queria você, não um outro, que tivesse metade do seu jeito, o jeito que nunca me agradou, que nunca me faz ficar nas nuvens, mas o jeito que me deixou apaixonada, aquele que se eu pudesse eu mudaria, mas tenho certeza que no final falaria : ah, eu acho que gosto mesmo de você, bem do jeito que você é *-*  . Passaram-se muito tempo, mas minha lente ainda pega o seu foco, é como automático, quando penso ser um objeto qualquer, bonito e radiante, é só arrumar o foco p. a decepção vir, já aconteceu muito, muitas vezes de tirar foto pensando ser algo banal, mas era a coisa mais importante p. mim *-* te amo & nada vai mudar, e mesmo que todo esforço foi me vão, eu posso morrer com a certeza que eu tentei até onde meu orgulho permite s2

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

AMOR PRÓRIO, a principal base p. felicidade

E se o problema realmente for comigo ? entre minhas dúvidas e incertezas a resposta certa esteja bem na minha frente e eu não queira enxergar ? é , é isso que acontece, eu mudei , o mundo mudou comigo.Eu simplesmente não sei o que eu quero, desde corte do cabelo até qual direção seguir, mas uma coisa eu tenho na minha mente ' eu sei o que eu não quero ' , não quero mais sofrer desilusões e tentar cada vez mais se desgastando a puxar pro presente o que está no passado, o que está lá a muito tempo e só agora eu fui ver que é em vão lutar p. isso, o que está aparecendo e persistindo pra mim SIM é o meu presente, talvez só o presente, talvez o futuro ou talvez  chegou de passagem pra ficar no passado ! Estou me sentindo do outro lado do muro, sem que ninguém perceba, e esse lado aparentemente é o lado da felicidade, É EU ESTOU SENDO FELIZ DE VERDADE , eu mudei tudo, não escolhi nada, deixei acontecer, vivi, acreditei , lutei e principalmente ARRISQUEI  .Estou muitíssimo feliz, nada surpreendente mente veio, só me sinto bem comigo mesma, eu me sinto no lugar certo, na hora certa, com o peso certo, roupas, cabelo, cara e espírito *-* eu to sendo feliz, aprendi a não chorar mais, as coisas voltam pro lugar, nem me apegar as pessoas, sofro menos, prefiro não amar mais, não mais p. todos saberem, eu posso estar chorando pela minha unha quebrada com tudo dando exactamente certo ou posso estar sorrindo pelo sol que nasceu bonito depois de uma noite fria recheada de lágrimas, só tenho medo do futuro, mas assim como todos os outros sentimentos, eu guardo p. mim, é acho que com isso eu ganhei uma coisa valiosa, eu ganhei o AMOR PRÓPRIO, a principal base p. felicidade *-*